29/04/08

O Presidente Cavaco e os jovens

Os resultados do douto inquérito que o Presidente Cavaco Silva encomendou à Universidade Católica revela, no que respeita às 3 perguntas mais badaladas, que os jovens inquiridos estão pouco atentos à informação ou pelo menos à memorização de algumas inutilidades dos nossos dias. Daí a concluir falta de interesse(s) vai uma grande distância.
A reacção dos mais velhos é o reflexo de quem foi ensinado na crença de que a memorização era o essencial e quando a criatividade não era estimulada e a imaginação era castrada. Daí a maioria dos políticos da geração do Presidente ( e não só ) serem tão chatos.

2 comentários:

maria disse...

Mas quem é que se espanta que os jovens de 15-18 não se interessem por política? Que eu saiba sempre foi uma minoria que mostrou esse interesse ao longo dos tempos. Uma coisa é o interesse outra é saber algumas datas fundamentais da nossa história. Que quase ninguém sabe, resta saber porquê.

Perdido disse...

O tema do discurso deixou-me a pensar... Tenho na ideia que foi roubado ao taxista, já a caminho da assembleia, tal é a profundidade ideológica e moralista da dissertação...