01/01/09

2009 : 1º dia ( diário )

Acordei tarde apesar de ter passado a meia-noite tranquilamente em casa. Bebi, a dois, champanhe rosé acompanhado de 12 uvas para 12 desejos. O pequeno almoço foi o do costume, abrilhantado por uma bica Nespresso, prenda de Natal das filhas e respectivos namoridos (*). O dia está cinzento, mas ainda não chove. Fui dar de comer ao "Saco", o Basset Hound do meu amigo e vizinho João que foi passar uns dias fora. Volta domingo. Os loureiros que plantei parecem-me em boa forma. Os coelhos não roeram as raizes das ervas aromáticas. Devem ter ido ao reveillon da vila e estão de ressaca.
Dou uma vista de olhos pelos jornais na net e pelos meus blogues de estimação. Tudo na mesma. Portugal ainda existe. Os Açores (clicar) ainda são Portugal. O Orçamento 2009 já está em vigor e até parece que o Presidente promulgou o diploma de avaliação dos professores (segundo a SIC Notícias). Dá-me a ideia que a guerra de Cavaco não vai ser com o Governo mas com o PSD.
E faltam só 364 dias para chegarmos a 2010. Divirtam-se.

(*) namorido = namor(ado) + (mar)ido

5 comentários:

S disse...

Um bom 2009. Espero que continue a escrever aqui no blog, gosto muito de cá vir . Sofia.

Galeota disse...

Tudo como antes no quartel de Abrantes.

Açores

Há um intenso orgulho/Na palavra Açor/ E em redor das ilhas/ o mar é maior/ Como num convés/ Respiro amplidão/ No ar brilha a luz / Da navegação...

Eduardo P.L disse...

Antonio.

o VARAL presta uma justa homenagem ao seu blog no primeiro dia do ano.
Continue com seu bom texto e crítica!

Forte abraço,

expressodalinha disse...

Já estás a contar?!

maria antunes disse...

António, desejo-te um feliz 2009, para ti e para toda a tua família, incluindo os namoridos.

Beijinhos

Maria