08/08/09

Raul Solnado (1929 - 2009)

O que eu ria. Em Luanda. No início dos anos 60. Era um miúdo. A ouvir no "pick-up" os discos que os meus pais compravam. Depois foi o teatro e a televisão. Mas este Raul das histórias em disco é imbativel. Obrigado Raul Solnado.

3 comentários:

Anónimo disse...

tambem o Raul Solnado fez rir ao vivo, muita gente no teatro nacional, junto ao largo D. Afonso Henriques, em Luanda, nos anos 60.

E noutras cidades de Angola.

Sidalia disse...

partiu levando um pouco de todos nós.

expressodalinha disse...

Tb. tenho este EP mas com outra capa.