19/11/08

Manuela na rádio

Ontem , durante o dia, estive de viagem. Pelo Alentejo e Beiras. De automóvel. Por isso só ouvi rádio. Assim sendo, ouvi as declarações de Manuela Ferreira Leite sobre a interrupção da democracia ( só por 6 meses ) sem a ver. É uma experiência curiosa. A mensagem é ouvida mais claramente. Não consegui ouvir a ironia. E ainda não estou surdo.
Mais tarde vi-a na televisão e também não vi a ironia. Defeitos meus.
Dito isto, estou convencido que Manuela Ferreira Leita tentou ser irónica. Mas a ironia é coisa fina e nem todos conseguem sê-lo, nomeadamente quem representa o papel de uma amanuense aplicada há muitos anos, como a Dra. Ferreira Leite.
Por isso nunca será primeira ministra.

3 comentários:

Al Kantara disse...

Quem diz 6 meses para ter graça, diz 48 anos para ter ainda mais graça. Isso é que era uma barrigada de riso...

PS - E 6 meses não dava. Isto é malta que aprende devagar...

Galeota disse...

Pois...mas não é necessário o "A bordo ninguém se teme/Ninguém aqui se receia/..."

expressodalinha disse...

Mas é mau. Assim não há oposição e de facto arriscamos o que ela quer: a tal interrupção da democracia!