08/03/09

"As peixeiras" de Luis Dourdil

Há mais de 30 anos que este quadro ( "As peixeiras" de 1963 (?)) me observa quando almoço ou janto em casa dos meus sogros. Primeiro, ainda o meu sogro era vivo, de esguelha já que a janela o atirava para uma extrema da parede. Agora, em casa da minha sogra, preside às refeições centrado com a mesa. É do Luis Dourdil ( 1914 - 1989 ) (clicar). Pintor que conheci por ser amigo dos meus sogros. Coimbrão, reencontrou , num almoço lá em casa, o meu pai. Tinham sido contemporâneos no liceu, em Coimbra. Autodidacta, pintou de uma forma única as mulheres e os homens. Era também um bom conversador.
A presença do quadro como que ritualiza as refeições que se transformam, muitas vezes, em tertúlias familiares. Obrigado Dourdil.
Foto de C.

2 comentários:

Anónimo disse...

Ainda bem q. te lembraste de homenagear o Dourdil, injustamente esquecido. Lembrei-me mto. dele, há poucos dias, quando morreu o Lagoa Henriques. Eram mto. amigos e apreciavam-se. O Lagoa de vez em quando fazia um poema.Uma vez pediu ao Dourdil q. ilustrasse esse poema. Deves ter um desdobrável com um poema do Lagoa sobre um desenho do Dourdil. Tem dedicatória.Procura.

Galeota disse...

Obrigada.