28/01/09

Espantos


Muitos estão espantados por Manuel Coelho ( presidente da Câmara de Sines ) só ter dado pelos defeitos do P.C.P. ao fim de 35 anos de militância e só agora ter saído do partido.
Para mim espanto é, nos idos anos 70 do século passado, um jovem universitário de Lisboa não conhecer, pelo menos :
Budapeste 1956 (clicar) e Praga 1968 (clicar)
e as posições do Partido Comunista sobre esses acontecimentos e ter-se filiado no partido.

3 comentários:

expressodalinha disse...

Mas há pessoas que demoram mais que outras... Não temos todos o mesmo "timing"!

Galeota disse...

O PCP já tinha dado pelos defeitos do Sr. há algum tempo...

nuno granja disse...

também nunca percebi como alguem conseguiu ser membro ( e dormir de consciência tranquila..) na filial portuguesa da organização responsável pelo que se passou em Budapeste, em Praga e sobretudo em Berlin até à queda do muro

mais vale tarde do que nunca e admitamos que o homem teve sorte, se em 75 o partido tem tomado o poder e feito cá uma espécie de Cuba da europa , mesmo não sabendo se essa Cuba hoje seria governada por um irmão do Cunhal, mas como em todos os "paises irmãos" esse dissidente estaria em maus lençois

por sorte vivemos numa democracia burguesa e como tal pode sair sem problemas de maior